ASSOCIE SUA MARCA À CULTURA

INCENTIVO CULTURAL (Lei Estadual de Incentivo à Cultura e Rouanet)
Para incentivo cultural entre em contato pelo email: institutociabelladeartes@gmail.com ou iccba@hotmail.com

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

ICCBA contribuiu para a realização do II Seminário de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher


No dia 06/12/2011, última terça feira ocorreu no Teatro Nicionelly Carvalho do ICCBA o II Seminário de Enfrentamento à Violência Contra Mulher.

Pelo segundo ano consecutivo o ICCBA apoia o evento.


Poços de Caldas sedia II Seminário de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher

Promoção Social
2011
DEZEMBRO
06
Auditório da Cia. Bella de Artes ficou lotado para o seminário

Poços de Caldas sediou, nesta terça-feira (6), o II Seminário de Enfrentamento à Violência contra a Mulher. Realizado na Cia. Bella de Artes, o evento foi promovido pela Secretaria de Promoção Social e pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

O evento busca discutir a importância da erradicação da violência, informando e capacitando os participantes quanto à necessidade de um trabalho em rede no atendimento à mulher. O seminário acontece em referência ao Dia Nacional de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, celebrado em 25 de novembro.

O seminário foi aberto com a apresentação teatral “Tô de olho em você”, com atores do Círculo de Artes. A peça representou, com linguagem humorística, o enraizamento da violência doméstica na sociedade brasileira.

A secretária de Promoção Social, Raulina Maria Adissi, relembrou a luta da trajetória do Grupo de Apoio a Mulher (GAM), movimento pioneiro no desenvolvimento de ações na área no município.

Entre os assuntos debatidos estiveram a importância da Polícia Civil na rede de enfrentamento e a abordagem subjetiva da violência. O seminário contou com o apoio das secretarias municipais de Saúde e Educação, Sesc, Polícia Civil e Cia. Bella de Artes.

“Nesta edição do seminário, a programação teve ênfase no trabalho da Polícia Civil, porta de entrada da vítima à rede de proteção. A desinformação e o preconceito no momento inicial do atendimento, quando a mulher extrapola o convívio familiar e decide pedir ajuda para sair da situação opressora, prejudicam o encaminhamento das vítimas e desencorajam a iniciativa. Daí, a necessidade premente de discussões constantes, como esta, que façam a interligação entre as pontas da cadeia de proteção”, ressaltou a vice-prefeita Gláucia Boaretto.

Foram ministradas as palestra "Uma Abordagem Subjetiva da Violência", com Silvane Vasconcellos de Santana, psicóloga da Delegacia de Mulheres de Belo Horizonte e “A importância da interlocução da Polícia Civil com a Rede”, com a chefe da divisão de atendimento à Mulher, Idoso e Deficiente da Delegacia de Mulheres de BH, Margaret Assis Rocha.

“Mais que auxiliar e acompanhar as vítimas é necessário e fundamental que trabalhemos juntos também no sentido de combater a violência contra a mulher, inadmissível e totalmente injustificável”, discursou a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Marlene de Fátima Silva.
http://www.pocosdecaldas.mg.gov.br/portal/index.php/leia-mais/35-promocao-social/2977-pocos-de-caldas-sedia-ii-seminario-de-enfrentamento-a-violencia-contra-a-mulher

Nenhum comentário:

Postar um comentário