ASSOCIE SUA MARCA À CULTURA

INCENTIVO CULTURAL (Lei Estadual de Incentivo à Cultura e Rouanet)
Para incentivo cultural entre em contato pelo email: institutociabelladeartes@gmail.com ou iccba@hotmail.com

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

O INSTITUTO CULTURAL COMPANHIA BELLA DE ARTES APRESENTA “OS SERTÕES”, COM O VIOLONISTA E TROVADOR BAIANO ROBERTO BACH


Neste sábado, dia 27, às 20 h, o Instituto apresentará o espetáculo “Os Sertões”, com Roberto Bach. Este espetáculo trata da saga de Canudos sob a ótica de Euclides da Cunha transformada em música pelo trovador. O espetáculo começa cantando a chegada de Antonio Conselheiro, levando o ouvinte aos cenários áridos do norte da Bahia, onde pessoas abandonadas pelo estado brasileiro, totalmente fora do contexto de cidadania, passam a seguir a única pessoa que lhes deu esperança. Como um profeta, todos o acompanharam e formaram o Arraial de Canudos. A saga termina com o fim do Arraial e com o massacre de 30.000 pessoas, entre eles mulheres, crianças, pessoas do povo. Euclides da Cunha testemunhando esta história escreveu o romance “Os Sertões”, o mais publicado no mundo, inclusive o único a ser traduzido na China. “Muitas vezes o mundo conhece mais os fatos de momentos históricos do Brasil que os próprios brasileiros, por isso a importância de ser parceiro de um artista como Bach que dedica sua vida e sua arte em cantar nossa história”, diz Marina Valle de Andrade, presidente da Bella de Artes.
Mais de Roberto Bach
Roberto Bach iniciou sua carreira em 1978, em festivais universitários. Em 1980, lançou seu primeiro disco, chamado “Frágil”, que foi gravado em quatro canais e com acústica natural, em uma capela na cidade de Mariana-MG. O álbum recebeu vários prêmios, sendo muito elogiado por críticos ligados ao trovadorismo. Divulgando esse trabalho, Roberto viajou por todo o Brasil, em circuitos universitários.
O artista voltou a gravar somente no ano 2000, quando lançou o disco “Oliveira”, com participação de músicos da Orquestra Sinfônica de Campinas. Em 2006, lançou “Pequeno Concerto Campestre”, pela gravadora For All, relançado posteriormente pela gravadora Atração Fonográfica.
Em 2010 Bach trabalhou em seu disco “A Colina dos Cavalos Fortes”. Além de seus álbuns, o músico já atuou como produtor e estudou flauta doce e música medieval no Conservatório Santa Cecília, e violão clássico no Conservatório Dr. Carlos de Campos, em Tatuí.

Data: Sábado, 27 de agosto de 2011
Horário: 20h
Local: Instituto Cultural Companhia Bella de Artes
Rua Prefeito Chagas, 305 – PL
Edifício Manhattan – Centro
Entrada: R$ 10,00


Nenhum comentário:

Postar um comentário