ASSOCIE SUA MARCA À CULTURA

INCENTIVO CULTURAL (Lei Estadual de Incentivo à Cultura e Rouanet)
Para incentivo cultural entre em contato pelo email: institutociabelladeartes@gmail.com ou iccba@hotmail.com

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Ciclo de Oficinas - Juventude & Cidania - HIP-HOP: UMA CULTURA PERIFÉRICA

No dia 09/04 foi realizado no Instituto Cultural Companhia Bella de Artes mais uma palestra do "Ciclo de Oficinas - Juventude & Cidadania.

O Ciclo de Oficinas Culturais Juventude e Cidadania, promovido através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, com incentivo da Alcoa Poços de Caldas apresenta sua segunda oficina em 2011, no dia 09 de abril, no Instituto Cultural Companhia Bella de Artes (Av. Prefeito Chagas, 305 – Andar Pilots) e coordenado por Diney Lenon.

O Projeto desenvolvido em parceria com o Instituto Cultural Companhia Bella de Artes desde 2006 esse ano apresenta uma inovação, conta com três oficinas mensais, sendo a tradicional realizada no Teatro Nicionelly Carvalho do Instituto Cultural Cia. Bella de Artes e mais duas em duas escolas. Conta ainda com vários oficineiros de notório reconhecimento que abordarão temáticas ligadas à cultura e sociedade.

A primeira oficineira foi Jéssica Balbino, formada em Comunicação Social e Pós-graduada em Jornalismo Digital, trabalhou em diversos jornais locais. Há mais de 10 anos tem contato com o Hip Hop e desde então participa de vários eventos ligados a esta cultura em Poços e em outras cidades da região. Sua paixão pela cultura periférica promete fazer das oficinas um espaço entusiasmante para trocas de saberes e práticas.

Abaixo, um pouco do que aconteceu no sábado, conforme trouxe a oficineira Jéssica Balbino no seu blog: http://www.jessicabalbino.blogspot.com/

IMPROVISO

Tarde de chuva, batalha de rimas e improviso em Poços de Caldas

O que me encanta na cultura hip-hop é o poder de improvisação e de fazer grandes coisas, criar e transformar a partir do nada. 

Isso foi o que aconteceu no último sábado (9) durante a palestra do ciclo de oficinas Juventude e Cidadania.


Por conta da chuva, o público que compareceu foi reduzido, mas, para a galerinha do hip-hop isso não foi problema. A galera que faria uma batalha de freestyle na praça ficou sem local para fazer – também por conta da chuva – e migraram da loja do nosso amigo Japa para a Cia Bella de Artes, onde aconteceria a palestra. 
Os meninos do Original Crew também estavam presentes e o destaque ficou por conta do filho do Ivan, o Cauã, que tem apenas três anos e roubou a cena, dançando break.
Na sequencia, assumi o microfone e o Leopac as pick-ups e fizemos a batalha ali mesmo. Após várias etapas, inclusive uma delas que eu desafiei a Ingridy, a única garota presente, e a plateia definiu o tema – feminilidade – e eu improvisei na rima. Claro, na zueira. 
O vencedor foi o B.O., que levou o DVD Um Brinde, do grupo Inquérito como brinde e um CD da família MLK.
O vice-campeão, MC Desapelidado levou um CD do grupo paulistano Alcateia e o DBS, que fez todo mundo vibrar e rir, ficou em terceiro lugar e também levou um CD do grupo Alcateia.
Apesar de pouca gente, a tarde foi bastante saudável e o idealizador, Diney Lenon, gostou bastante da improvisação.
Acabei deixando de lado a parte teórica da entrevista e também a exibição do clipe e do documentário, porque todos ali já haviam assistido, mas discutimos um pouco e partimos para a prática, relembrando de como tudo começou.
Um problema daqui, outro dali e a dificuldade em ligar os microfones também não foram empecilhos.
Seguimos escrevendo a nossa história no hip-hop do Sul de Minas Gerais.

http://www.jessicabalbino.blogspot.com/




Nenhum comentário:

Postar um comentário